20 de out de 2011

meio mundo a foder meio mundo



Anda meio mundo a foder meio mundo
Mas lá longe, bem lá ao fundo
Há meia dúzia de vagabundos a observar
Com olhos que teimam em brilhar.

São Homens nus
Que escondem no seu corpo um país
Onde ainda se pratica o verbo amar.

Estão-te a chamar!
Se com o cerrar dos teus olhos
Meio mundo conseguires engolir
Vais ouvir!

É o chamamento dos que lutam
para rasgar as roupas caras
de um tempo travestido de dinheiro.

Estão aí para te ensinar
A apaziguar
O desespero com que
Em diárias transfusões sanguíneas de alegria
Te transformas em refresco para cus
De mal disfarçados Belzebus

Grita a esses Homens nus lá ao fundo
que queres ir com eles
Antes que dobrem a curva do mundo.

Grita caralho!

Grita até sangrar!!!

Grita….

 antes  que…o des

     pert 

 a dor

         toq

ue pa    ra ir     es

            tra

          b

             alh

                   ar…

Um comentário:

Sr. Mal disse...

Muito bom, mesmo!