7 de jul de 2009

Miminhos

Eu quero uma cesta de piquenique
E uma mota com side-car
A tombar de putas…

Eu quero um capacete com cornos de marfim,
Uns sapatos iguais aos do Papa
Ou os cornos dele no meu farolim.

Eu quero um Ayatolah talibã a lançar girândolas
E fogo de cana no meu funeral.

O Territory dos Sepultura na marcha-lenta
E um bando de grávidas a segurar na placenta.

Ser enterrado com um par de sapatilhas ardidas
E o ministro da Cultura em stockings servindo bebidas.

Ser estrangulado pelos paramentos do padre até me vir
E uma mentirosa a gritar que me viu sorrir.

Um canibal a trincar-me os dedos
E uma placa a dizer: - Morreu de nervos!

.

Nenhum comentário: